Jogos de Aventura e Natureza deixam como legado obras e estímulo à prática esportiva em Terra Roxa

Por: Jaqueline Galvão
11/09/2019

Ao sediar a etapa lindeiros dos Jogos de Aventura e Natureza, o município de Terra Roxa entrou na rota de eventos esportivos do Governo do Paraná. Para receber a competição, a Capital da Moda Bebê construiu uma arena para as disputas de vôlei de praia e duas pistas com obstáculos para participação na modalidade de apresentação dos jipeiros e trilheiros.

Arena montada no Jardim Ecoville irá fomentar a prática de esportes na areia (Foto: Jaqueline Galvão/Esporte Paraná)

As obras ficam como legado do evento esportivo para os terra-roxenses, que agora têm mais opções para praticar esporte. Com incentivo do poder publico municipal, a diretora municipal de Esportes, Daiane Franciele Camargo, afirma que serão realizadas várias ações visando fomentar as atividades e o uso dos espaços construídos no Jardim Ecoville. “Ao receber essa competição fazemos com que o município seja conhecido em nível estadual, para que se torne palco de vários eventos nas modalidades de vôlei de praia, futevôlei e outros esportes que forem possíveis jogar na arena montada no Jardim Ecoville. Vamos propor ações para movimentar esse espaço e popularizar os esportes na areia, como o vôlei de praia, que ainda não temos representantes em competições. Agradecemos o apoio recebido do Governo do Estado, que em parceria com a Federação Paranaense de Voleibol trouxe essa modalidade para Terra Roxa”, enalteceu Daiane. 

A etapa lindeiros segue no município até sexta-feira (13.09) com a clínica de beach tennis. A oficina é realizada durante o dia todo na arena montada no Jardim Ecoville, com início às 08h30. “Estamos muito felizes em receber uma etapa dos Jogos de Aventura e Natureza, agradecemos ao Governo do Estado por ter olhado para o nosso município, por ter nos colocado no circuito estadual de competições, levando o nome de Terra Roxa para os quatro cantos do Estado. Os espaços foram construídos no Ecoville por ser um bairro novo, os moradores estão contentes com a arena montada, que vem a somar com vários outros investimentos que estão sendo feitos em Terra Roxa para fomentar o esporte. É um marco para o município, agora cabe a nos zelar e dar vida aos espaços”, declarou o prefeito Altair Donizete de Pádua.

Pista foi construída para ser ponto de encontro dos jipeiros de Terra Roxa e região (Foto: Jaqueline Galvão/Esporte Paraná)

Fomento ao esporte
Admirado com a arena montada para a competição, o técnico paraguaio Wilfried Ediger destacou que agregar a competição de vôlei de praia aos Jogos de Aventura e Natureza trouxe uma importância maior ainda ao avento. “Nota-se o que o vôlei do Paraná está se fortalecendo cada vez mais, o nível dos jogos é muito alto, se percebe que há preparação das equipes para competir e tornar a competição uma atração de um evento maior traz ainda mais relevância à disputa, estamos muito contentes de podermos estar aqui”, frisou.

Bolsista do Programa Geração Olímpica, Gabriel Zuliani, dupla de Patrick Miranda, é uma das revelações do vôlei de praia. Natural de Cuiabá (MT), veste a camisa de Maringá há quatro anos, tendo conquistado nesta temporada medalha de bronze na 1ª etapa e ouro na 3ª etapa do Campeonato Brasileiro Sub-19, além do título da 4ª etapa do Circuito Paranaense de Vôlei de Praia. “A competição como uma das atrações dos Jogos de Aventura e Natureza trouxe uma competitividade maior ao torneio, gostamos muito da estrutura que foi montada aqui em Terra Roxa, além da premiação contar com valor em dinheiro, o que tornou a competição mais atrativa”, declarou Gabriel.

Há seis anos jogando profissionalmente, Juliana Simões tem um vasto currículo na modalidade e trouxe toda sua experiência para a quadra ao lado da novata Ana Carolina Cavalheiro, que iniciou no esporte há menos de dois anos. A dupla se despediu da 4ª etapa nas quartas de final. “Promover uma competição estadual dentro dos Jogos de Aventura e Natureza tem muito a agregar para o esporte e esse formato poderá servir de espelho para os demais Estados, fomentando a modalidade, a economia da cidade e o turismo, achei muito interessante. Somado a isso estamos encantadas com a organização e a estrutura para receber a etapa aqui em Terra Roxa. Por ser o primeiro torneio juntas está sendo bem legal”, enalteceu.

Medalhista de bronze na 4ª etapa, a dupla londrinense Gabriel Rabistek e André Santos (Adrian) elogiaram a descentralização do Circuito Paranaense de Vôlei de Praia, o que segundo eles possibilita a participação maior de atletas. “O vôlei de praia no Paraná é muito polarizado, sendo centralizado em Londrina, Maringá e Curitiba, então essa transferência de etapas pra outras regiões é muito importante para fomentar o esporte, uma vez que sabemos o valor que o esporte tem para as crianças, pra quem vem assistir, até pra movimentação da cidade dentro do turismo, comércio, então pra isso é ideal esse formato dos Jogos de Aventura e Natureza, é muito bom que aqueles que não conseguiam competir antes por ter as etapas concentradas conseguem agora participar. O Paraná tem atletas de ponta, é o Estado que mais cresce em nível na modalidade”, enalteceram.

Os Jogos de Aventura e Natureza, que mesclam esporte e turismo, têm como proposta divulgar a região lindeira e consolidar o Paraná como um grande destino de viagem, além de fomentar a economia paranaense.

Além de Terra Roxa, a etapa lindeira completa abrange Diamante D’Oeste, Entre Rios do Oeste, Foz do Iguaçu, Guaíra, Itaipulândia, Marechal Cândido Rondon, Medianeira, Mercedes, Missal, Pato Bragado, Santa Helena, Santa Terezinha do Itaipu, São José das Palmeiras e São Miguel do Iguaçu. 

Acompanhe notícias diárias e fotos da competição no facebook Esporte Paraná.

Os Jogos de Aventura e Natureza - Etapa Lindeiros - são organizados pelo Governo do Paraná, com o patrocínio da Itaipu Binacional.

 

COM/IPCE
Texto e fotos: Jaqueline Galvão/Esporte Paraná
WhatsApp: (45) 9.9139-1005
jaquelinefsgalvao@gmail.com